“Você está na China, agora”

Ontem, num grupo de tradutores-intérpretes que criei no WeChat, popular app chinês  de troca de mensagem instantânea e microblog, que pertence à gigante Tencent, li a seguinte mensagem:

Trata-se de um comunicado da polícia de Shenzhen, cidade da província de Guangdong, aos estrangeiros que residem ou estão de passagem pelo país. Solicita-se que todos os estrangeiros, não importa quem seja nem de onde venha, se registrem no departamento de polícia mais próximo de sua residência. Quem não o fizer, estará sujeito à multa de 2000 RMBs (USD305), posto que em breve terá início uma operação de busca por estrangeiros omissos. O prazo para apresentar-se às autoridades é de uma semana.


Hoje em dia, não é aconselhável correr esse risco. Se você viajar à China, seja a negócios ou a turismo, vale lembrar que se você não estiver hospedado num hotel ou albergue – que automaticamente envia suas informações para o departamento de imigração -, é imprescindível que você se apresente à policial local para cumprir os procedimentos exigidos pelo governo chinês.


Em alguns lugares, a polícia vai na casa verificar quais são os hóspedes que não têm registro. Portanto, evite transtornos e prejuízos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s